BE
João Vasconcelos, Catarina Martins e José Gusmão (Foto: Pedro Gomes Almeida/BE)

Líder do BE focou ferrovia e “urgência climática” em comício no Algarve

A líder do Bloco de Esquerda (BE), Catarina Martins, salientou ontem, em Portimão, a importância da ferrovia para combater as alterações climáticas, numa região em que “nem a linha está eletrificada nem os horários cumprem as necessidades da população”.

No comício realizado em Portimão, a dirigente e candidata a deputada por Lisboa trouxe à campanha o tema do ambiente, afirmando que na região do Algarve “sabe-se como a urgência climática é já hoje", por exemplo com a escassez da água "com que tantos agricultores se deparam já hoje e são obrigados a abandonar a sua atividade”.

Pub

“Não há concelho que visite no Algarve que não tenha um problema de uma construção desenfreada, que não coloque o problema da pressão da orla costeira ou até, pasmemo-nos, no século XXI, de não ter saneamento básico mesmo em áreas de grande densidade populacional”, prosseguiu a coordenadora do BE, que não se quer resignar “ao desastre climático”.

Para que Portugal possa reduzir as emissões de uma forma significativa, terá de avançar, em primeiro lugar, pelos transportes, nomeadamente "que o transporte ferroviário seja uma alternativa viável que ponha o carro parado", com horários adequados às necessidades da população, referiu Catarina Martins, que à tarde, com os candidatos bloquistas pelo Algarve, fez a viagem de comboio entre Alcantarilha e Portimão.

O cabeça de lista do BE pelo círculo de Faro, José Gusmão, falou “do lugar que a região do Algarve tem no país” e deu exemplos do “esquecimento do poder central face a uma região que dá tanto ao país”.

Já João Vasconcelos, o atual deputado do Bloco eleito pelo distrito de Faro, salientou a importância de eleger na região do Algarve, já que o partido “dará um grande contributo para derrotar a extrema-direita populista e racista, para combater o poder central e para continuar a afirmar, na região, uma alternativa de esquerda, socialista e popular”.

Pub

O deputado bloquista criticou a “monocultura do turismo que se impôs à custa de diversas atividades económicas e do condicionamento de muitas outras" e lembrou que o fim das portagens na Via do Infante permanece como luta antiga.

Pub
Mais em Política
Parlamento
PS apresenta proposta de alteração ao OE2022 para apressar Hospital Central do Algarve

Os deputados do Partido Socialista (PS) eleitos pelo Algarve apresentaram uma proposta de alteração do Orçamento do Estado para 2022 para

Chega
Deputado eleito pelo Algarve ouviu órgãos distritais do Chega

Pedro Pinto, deputado do Chega eleito pelo Algarve, esteve na sede regional do partido, em Faro, na passada sexta-feira, 3, para ouvir os

Bloco de Esquerda organizou Fórum da Água

Decorreu no passado dia 7 de maio no Centro Autárquico de Quarteira o Fórum da…

Água
Jornadas Parlamentares do PS/Algarve abordam tema da água

«Garantir Água. Garantir Futuro» será o tema das Jornadas Parlamentares do PS/Algarve, que decorrem no no próximo sábado, 14, com várias