VRSA
Câmara de VRSA

Câmara de VRSA renegociou contrato para ampliar limpeza e higiene urbana

O município de Vila Real de Santo António (VRSA) chegou a acordo com a Ecoambiente para rever e ampliar os serviços de limpeza e recolha de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU) no concelho.

O contrato, que tem estado a ser renegociado com a empresa, foi objeto de diversas alterações e prevê “um aumento dos níveis de cobertura, eficácia e dotação de recursos humanos, de forma a garantir a correta limpeza e higiene pública de todo o concelho”.

Pub

Para tornar o entendimento mais abrangente, o executivo da Câmara Municipal de VRSA vai efetuar um conjunto de reuniões com os partidos com assento nos órgãos do município para apresentar os contornos do novo contrato e recolher contributos e sugestões.

“O processo negocial com a Ecoambiente resulta de um vasto conjunto de reuniões desenvolvidas com a empresa e pretende trazer ao município ganhos na eficácia e eficiência dos serviços prestados, procurando corrigir situações que têm motivado queixas da população”, refere o executivo socialista.

Por outro lado, o novo contrato visa “obter a melhor relação custo-benefício para a autarquia” - que irá honrar todos os encargos que vierem a ser definidos no acordo –, para que assim “possa ser prestado um serviço de excelência à população em matéria de limpeza urbana”.

O objetivo desta renegociação passa também, acrescenta a autarquia, “por evitar o conjunto de incumprimentos que, no passado, resultaram na acumulação de uma dívida à empresa no valor de 1,2 milhões de euros, colocando em causa a eficácia e a sustentabilidade da operação”.

Pub

Pub
Mais em Ambiente
Quinta Pedagógica de Portimão celebra Dia Mundial das Abelhas

Pelo segundo ano, a Quinta Pedagógica de Portimão vai ser palco das comemorações locais do…

Portugal mantém-se entre seca moderada e seca severa

No último dia do mês de abril, 8,5% do território de Portugal continental estava em seca fraca e 4,3% em seca severa, segundo fonte do IPMA.

Cetáceos
CCMAR avalia abundância de cetáceos na costa algarvia

Um novo estudo promovido pelo Centro de Ciências do Mar (CCMAR) procura compreender e avaliar a abundância de cetáceos na costa

Caçadores asseguram a limpeza de 400 ha nas Terras do Infante

A Associação de Municípios Terras do Infante celebrou contratos-programa com Clubes ou Associações de Caçadores, com área de intervenção…