INEM alerta para as intoxicações por picada ou mordedura de animal

Em Portugal existem poucos casos de morte relacionados com picadas ou mordeduras de animais.

Dados recentes não revelam a existência de casos mas as vítimas nem sempre contactam o Centro de Informação Antivenenos (CIAV).

Pub

Abelha – relacionada com reações alérgicas graves, podendo surgir, inchaço da língua, das vias aéreas e falta de ar.

Vespas – dor local, geralmente sem outras consequências.

Víbora – pode originar uma situação clínica grave. Nos casos mais graves provoca um edema progressivo do membro atingido e pode levar ao compromisso circulatório desse membro.

Cobras – em geral não implica qualquer toxicidade. No entanto, sempre que alguém seja mordido ou picado, deve ser observado por um médico.

Lacrau – provoca dor intensa sendo conveniente a observação médica.

Centopeia – sem grandes consequências para além da dor local.

Alforrecas e medusas – pode condicionar reações alérgicas de maior ou menor gravidade, dependendo da pessoa.

Caravela Portuguesa – para além da dor, provoca reações alérgicas por vezes intensas, sugerindo-se a observação médica.

Peixe-aranha – provoca fundamentalmente dor, sendo raras as reações alérgicas.

O que fazer:

  • Aplicar-se gelo no local da picada
  • Imobilizar o membro atingido e procurar apoio médico nos casos mais graves.
  • No caso do peixe-aranha deve aplicar-se água quente na área atingida.
  • Nos casos das alforrecas, medusas e caravela portuguesa deve lavar-se a área atingida com água quente ou vinagre.

Em caso de intoxicação contacte o CIAV através do número 800 250 250

Para ler o artigo anterior publicado pelo INEMclique aqui.

Pub
Mais em Saúde
Covid-19
Covid-19: Algarve regista mais de 9.900 casos ativos e 49 internamentos

Os números de novos casos diários de coronavírus SARS-CoV-2, casos ativos e internamentos associados à Covid-19 no Algarve continuaram

Covid-19: Semana com mais mortos, mais internados e mais novos casos

Nos últimos sete dias de avaliação da evolução da pandemia de covid-19 em Portugal, foram registados mais 157.502 novos casos, segundo o

INEM alerta para o esgotamento pelo calor

O esgotamento pelo calor ocorre em consequência da exposição a períodos de calor intenso, durante vários dias consecutivos, quando um

Alvor é palco de “Caminhada Pelo Coração”

De forma a assinalar o mês de maio sob o mote “o mês do coração”, será promovida uma caminhada  em Alvor, uma das freguesias da cidade.