Foto: REUTERS/Gleb Garanich

Mais de 3.300 civis mortos na invasão russa da Ucrânia – ONU

ONU confirmou ainda 3.680 feridos em dois meses devido à guerra, sublinhando que os números reais poderão ser muito superiores.

Das vítimas mortais confirmadas pelo Alto-Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH), citadas pela notícia da Record TV Europa, 235 são crianças, e há também 346 crianças entre os feridos, segundo as estatísticas diariamente atualizadas.

O organismo internacional, dirigido pela alta-comissária Michelle Bachelet, sublinha que a maioria das vítimas civis morreu ou sofreu ferimentos devido ao uso de explosivos, incluindo projéteis lançados por artilharia pesada, sistemas de lançamento múltiplo de ‘rockets’, mísseis e bombardeamentos aéreos.

Pub

A ONU teme que os números de vítimas da guerra na Ucrânia, que entrou hoje no seu 75.º dia, aumentem consideravelmente quando houver acesso a cidades cercadas ou a zonas até agora sob intensos combates.

O direito internacional, segundo a notícia veiculada pela Record TV Europa, considera que os ataques perpetrados contra civis e infraestruturas não-militares num conflito constituem crimes de guerra.

A ofensiva militar lançada na madrugada de 24 de fevereiro pela Rússia ao invadir a Ucrânia causou já a fuga de mais de 13 milhões de pessoas de suas casas – mais de 7,7 milhões de deslocados internos e mais de 5,5 milhões para os países vizinhos -, de acordo com os mais recentes dados da ONU, que classifica esta crise de refugiados como a pior na Europa desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

Também segundo as Nações Unidas, cerca de 13 milhões de pessoas necessitam de assistência humanitária na Ucrânia.

Pub

Pub
Mais em Internacional
Manto de neve cobre parte do sul do Brasil

Um manto de neve cobriu partes do estado de Santa Catarina no sul do Brasil que desde há alguns dias enfrenta uma invulgar vaga de frio

Portugal apoia Polónia com € 50 milhões em produtos e materiais

António Costa anunciou doação no valor de 50 milhões de euros, desde casas pré fabricadas até produtos farmacêuticos.

Primeiro caso brasileiro infetado com varíola de macaco na Alemanha

Infectado tem 26 anos e passou antes por Portugal e Espanha Na Alemanha, autoridades sanitárias…

Elon Musk reúne-se com o governo do Brasil pela ‘Amazónia’

Reunião centrada em “Conectividade e Proteção da Amazónia”. O multimilionário Elon Musk, dono da SpaceX e que recentemente…