Foto: EFE/ André Coelho

EUA ultrapassam marca de um milhão de mortes por Covid-19

Presidente do país, Joe Biden, pede manutenção da vigilância contra a pandemia para tentar salvar ‘o maior número possível de vidas’

Mais de um milhão de pessoas morreram de Covid-19 nos Estados Unidos, de acordo com uma informação que foi confirmada nesta quinta-feira, 12, pela Casa Branca.

Segundo o Jovem Pan, o país é o mais afetado do mundo pela pandemia, concentrando o maior número de vítimas e casos. “Hoje alcançamos um marco trágico: um milhão de vidas americanas perdidas para a Covid-19”, afirmou o presidente Joe Biden em comunicado oficial.

Pub

Nós devemos permanecer vigilantes contra esta pandemia e fazer tudo para salvar o maior número possível de vidas, como fizemos com mais testes, vacinas e tratamentos do que nunca antes”, acrescentou Biden.

Desde o início da pandemia, a Organização Mundial da Saúde (OMS) registou um total de 5,4 milhões de óbitos por Covid-19 nos seus países membros. Apesar disso, a organização afirmou na semana passada que o novo coronavírus provocou entre 13 e 17 milhões de mortes em todo o mundo de janeiro de 2020 a dezembro de 2021, quase o triplo do total do balanço oficial.

Este balanço mostra o grau da devastação provocada pela pandemia mais grave registada no planeta num século. Seguido dos EUA, os países mais enlutados do mundo são o Brasil, Índia e Rússia, respectivamente, por serem também os mais populosos.

Destaca o Jovem Pan, que após vários meses de queda nos contágios nos Estados Unidos, o país voltou a registar um aumento diário de casos há um mês. A subida acontece num contexto em que a máscara deixou de ser obrigatória, embora o uso continue a ser recomendado em ambientes fechados.

Pub

A quarta dose da vacina está disponível apenas para norte-americanos com mais de 50 anos. O aumento de casos é provocado por subvariantes da Ómicron, mais transmissíveis que as cepas descobertas anteriormente.

E embora a gravidade da variante Ómicron pareça menos graves num país onde 66% da população está vacinada, o índice de contágio alcança 90% entre as pessoas com mais de 65 anos.

(Com informação AFP)

Pub
Mais em Internacional
CNN: “Oh! Pai da pátria”, o abraço caloroso de Marcelo a Xanana (c/vídeo)

Marcelo Rebelo de Sousa está em Timor numa curta visita de três dias. Esteve presente na…

Portugal lamenta e repudia retaliação da Rússia (c/vídeo)

Portugal lamenta e repudia a decisão da Rússia de expulsar cinco funcionários da embaixada portuguesa em Moscovo

EUA confirmam primeiro caso de varíola do macaco em 2022

Sintomas da doença incluem febre, dor de cabeça, dores musculares, dores nas costas, calafrios e…

Portugal recebe cabo da Google que liga Europa a África

Portugal recebeu um cabo submarino de fibra óptica de última geração da Google que liga…